FALE CONOSCO




BLOG

Fique por dentro das últimas novidades



A importância da água para o seu jardim!

A importância da água para o seu jardim!
01 de Novembro de 2020   |   Paisagismo | Meio Ambiente | Ecologia | Jardins Inteligentes | Irrigação

Como já falamos em outros posts aqui no nosso blog, é importante afirmar que não há como ensinar a alguém exatamente como regar cada jardim, cada planta, em cada clima ou região em um único post de blog. Em vez disso, podemos falar sobre regras práticas e sugerir ferramentas que o ajudarão a entender o que procurar ao determinar as necessidades de irrigação do seu jardim.


Existe um equilíbrio delicado entre muita e pouca água.




Muita água pode resultar em raízes encharcadas e as plantas podem ficar sem oxigênio. Claramente, para pântanos ou plantas aquáticas, isso não é um problema. Mas para nossas plantas perenes e arbustivas, isso pode ser mortal.


Com pouca água as plantas podem simplesmente parar de crescer, murchar e eventualmente morrer. Para plantas que se desenvolveram para viver em condições mais quentes e áridas, há claramente uma tolerância maior para condições secas. Conhecer o seu clima e as suas condições específicas de cultivo - incluindo o tipo de solo - deve ser sempre o ponto de partida para a tomada de decisões de rega.


Uma boa regra é que os jardins ornamentais requerem no mínimo cerca de 30 mm de água por semana. Isso pressupõe uma estrutura de solo saudável que pode reter essa água para que as plantas possam absorvê-la. Jardins localizados em climas quentes e secos perdem umidade a uma taxa mais rápida e podem exigir até quinze milimetros de água por semana, enquanto jardins em climas mais frios podem precisar de irrigação mínima.


Para os solos argilosos, uma única irrigação volumosa é melhor do que várias regas rasas. Isso ajuda a encorajar as raízes a crescerem de forma agradável e profunda, em vez de ficarem perto da superfície esperando o próximo gole rápido de água. A água que vai fundo pode durar mais tempo do que a água na superfície, que seca sob o sol quente e o calor atmosférico.


Já para solos arenosos, que são muito comuns em regiões litorâneas, a estratégia de regas deve ser o inverso, quanto mais parcelado for a irrigação melhor, pois o solo arenoso é muito drenante, não retendo grande volume de umidade no solo.


A água é a força vital de todas as plantas e a chave para três funções críticas:



- Fotossíntese - este é o processo que permite às plantas fabricar seus próprios alimentos. As plantas usam água para fabricar carboidratos, essenciais para o fornecimento de energia à planta. Água insuficiente pode causar incapacidade das plantas em produzir alimentos para sustentar um crescimento saudável.


- Transpiração - As plantas perdem água na atmosfera por meio de suas folhas por meio da transpiração, da mesma forma que os humanos perdem água pela pele com o suor. A água geralmente é perdida através de pequenos orifícios nas folhas chamados estômatos. A água evapora para a atmosfera através dos estômatos, causando um efeito de resfriamento ao redor da planta para ajudar a manter a temperatura da planta equilibrada. Se a temperatura da planta estiver muito alta, suas células podem começar a morrer.


- Distribuição de nutrientes - assim como todos os seres vivos, as plantas requerem uma variedade de nutrientes para crescer e desenvolver sua estrutura - caules, folhas, flores, sementes. Como o sangue em animais e humanos, a água ajuda a transportar nutrientes do solo para a estrutura celular da planta.


Agora que você sabe por que a água é tão importante para suas plantas, é importante saber como ajudá-las a obter a quantidade certa de água ao longo da estação de crescimento - incluindo a primavera, quando a maioria das plantas está crescendo ativamente em seus sistemas radiculares muito depois de terem parado de colocar energia em suas flores, ramos e botões.


Aqui estão algumas dicas básicas para irrigação externa geral:



melhor horário para rega do seu jardim é sempre na parte da manhã.


Não tente regar todas as áreas do seu jardim em uma única rega.


Separe suas áreas e concentre-se nessas áreas individualmente para obter o máximo benefício.


Sature cada área e deixe secar antes de regar novamente.


Planeje usar coberturas como casca de árvore em torno de todas as áreas plantadas para reduzir a perda de água devido ao sol.


Não deixe as plantas murcharem antes de iniciar a rega.


A rega excessiva pode ser mais prejudicial às plantas do que a falta de rega. As raízes precisam de ar tanto quanto de água. Não mantenha o solo saturado com água continuamente.


Em nossa discussão contínua sobre jardinagem, é vital que o papel da água seja compreendido e reforçado por ações informadas. A água é absolutamente essencial para o equilíbrio preciso dos elementos em nossos jardins. Muito ou pouco de qualquer coisa, incluindo água, pode perturbar esse equilíbrio e colocar em risco a saúde e a beleza das plantinhas.


O amarelecimento das folhas e a murcha podem ser um sinal de falta ou excesso de água, portanto, investigue mais a fundo.




Toque o solo em cima e cave um pouco. Se o topo estiver com crostas, poeira ou rachaduras, é provável que você esteja em um estado de pouca água. Se estiver liso, úmido ou escorregadio, você pode estar em uma condição de rega excessiva. O tempo gasto para inspecionar a planta e o solo será de grande ajuda para determinar o que a planta realmente precisa.


Um mecanismo muito interessante e que pode ajudar e facilitar muito a sua rega é a irrigação automática, aspersores, mangueiras de gotejamento, borbulhadores, rotores, entre outros diversos mecanismos de emissão de água no seu jardim vão manter seu jardim sempre irrigado na medida certa, nossa equipe pode ajudar a projetar e executar uma bela irrigação automática para seu jardim.


Embora seja fácil simplesmente falar - “Regue tanto, com freqüência, e pronto”. - isso não pode ser feito. A melhor forma de saber o que o seu jardim precisa é visitando suas plantas. Ande por aí e veja como as coisas parecem. O passeio e o tempo na natureza são bons para você, a atenção é boa para suas plantas. Com o tempo, suas plantas se tornarão familiares para você e você saberá o que elas precisam e quando precisam.


A água é fundamental para toda a vida, portanto, certifique-se de que as boas práticas de rega estejam no centro de sua estratégia. Com apenas um pouco de conhecimento, disciplina e consciência, você pode criar uma estratégia de rega personalizada para atender precisamente às necessidades do seu jardim, ajudando a garantir um ambiente de cultivo feliz e saudável durante toda a temporada, protegendo e conservando este recurso finito em nosso planeta.

GALERIA DE IMAGENS





Compartilhe



VOLTAR



















Ficou interessado
em nossos projetos?

Cadastre suas informações que em breve entraremos em contato.